SE ENVOLVER

Mata Atlântica, rios, mar, clima, história dos povos indígenas, galeões, escravos, piratas e mercadores se juntaram para formar um Portobelo com biodiversidade e rica em expressões culturais, étnicas e artísticas variadas. Essas expressões vão desde o delicado trabalho em madeira dos carpinteiros, a dança interpretativa e os sons artísticos de jovens artistas locais do Congo, até a dança e a música que emana ao longo da costa durante as férias da região.

Toda esta riqueza não nega o facto de Portobelo apresentar grandes carências na educação, saúde e bem-estar da sua gente. A Fundação Portobelo Bay, em conjunto com os zeladores do El Otro Lado, está empenhada na melhoria da qualidade de vida da comunidade com programas que procuram a promoção pela cultura e com iniciativas que promovam o desenvolvimento com identidade. Desta forma, El Otro Lado torna-se um veículo de expressão cultural que permite aos seus hóspedes participar, com a sua estadia, no desenvolvimento integral da população de Portobelo. E a experiência é dupla: a presença dos visitantes apoia as atividades sem fins lucrativos da Fundação e os visitantes em troca recebem uma experiência de imersão na rica profusão de cores, a sensualidade e a força que a cultura do Congo tem a oferecer.

La Escuelita de Ritmo, a Oficina de Carpintaria, a Galeria de Arte, o Festival Devils and Congo e La Casa de la Cultura Congo são iniciativas impulsionadas pela Fundação Portobelo Bay e com as quais os visitantes do El Otro Lado podem interagir e contribuir.

Qualquer participação será sempre bem vinda!

LINHA DO TEMPO

  1. A história de amor da família com Portobelo Bay

    É com grande paixão que a família há décadas a Portobelo, apoiando a comunidade com programas de desenvolvimento social que visam desenvolver oportunidades de progresso através da cultura e do turismo.

  2. Começa a construção do El Otro Lado

    A criação de El Otro Lado como um retiro privado de luxo foi uma iniciativa para demonstrar o potencial de Portobelo como um destino turístico de classe mundial e para gerar receitas destinadas a apoiar o trabalho social de nossa organização sem fins lucrativos, a Fundación Bahía de Portobelo.

  3. Criação de La Escuelita del Ritmo

    Um dos principais programas da La Fundación Bahía de Portobelo, uma escola de música gratuita que ensina música para mais de 100 crianças e adolescentes. Tem como missão difundir a cultura, em especial a educação artística, como um poderoso instrumento de desenvolvimento social, fortalecendo de forma integral a identidade das novas gerações e promovendo a melhoria da qualidade de vida e da educação da comunidade portuense.

  4. Abertura do retiro privado El Otro Lado

    Com 5 moradias únicas, El Otro Lado abriu as suas portas para convidar pessoas de todo o mundo a descobrirem Portobelo como um maravilhoso destino turístico onde o luxo se mistura com a natureza, a aventura e com toda uma imersão histórica e cultural que só um lugar como Portobelo pode oferta.

  5. Inauguração da Casa de la Cultura Congo

    É um espaço aberto, público e inclusivo, foi construído para receber oficinas de formação, criação de artesanato e exaltação artística. Os visitantes podem experimentar várias formas da arte do Congo e compreender a importância do legado histórico colonial latino e africano de Portobelo.

Os guardiões da cultura

Artistas locais que mostram suas obras na galeria, carpinteiros que ensinam suas técnicas ancestrais, chefs que resgatam receitas maravilhosas, músicos e dançarinos que encantam com as danças e sons fantásticos do Congo e todos os outros personagens que trabalham diariamente para preservar e mostrar com orgulho a cultura e tradições de Portobelo.