Cultura

Passeio histórico portobelo

Portobelo é uma cidade muito pequena com não mais de 4000 habitantes, mas com uma história e cultura deslumbrantes.
Possui uma importante mostra de arquitetura colonial e arquitetura militar do século XVII que foi nomeada Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.
Recomendamos visitar o Forte São Jerônimo, onde, rodeado de canhões e muralhas, poderá reviver a época colonial de piratas e conquistadores.
Também pode dar uma volta pelo Forte Santiago da Glória, antigo recinto que conserva ainda suas trincheiras, canhões e guaritas.
Outro edifício que não pode deixar de visitar é a Real Alfândega, que era também a residência do governador, onde guardavam o ouro e a prata provenientes do Peru e Equador, com destino a Espanha.
Em 21 de outubro de cada ano se celebra a Veneração do Cristo Negro, à qual assistem milhares de devotos peregrinos. Felizmente não é necessário aproveitar esta data para visitar o Cristo, pois pode fazer isso em qualquer momento, se aproximando até sua morada na Igreja São Filipe de Portobelo.
A história e a magia de uma antiga cidade que foi de vital importância para a conquista espanhola.
Nosso guia irá ajudar você a entender sua história.

Comida costeira

Se quiser saborear comida típica costeira, não há lugar mais delicioso que a CASA CONGO.
Tem uma vista maravilhosa para a baía e oferece pratos locais ricos em pescado e mariscos.

A CASA CONGO é administrada pela Fundação Bahía de Portobelo, que mantém como um de seus projetos sociais a formação de garçons e cozinheiros, apostando num desenvolvimento sustentável do setor turística de Portobelo e arredores.

Galeria de arte e artesanato

Pintura, fotografia, talhas, máscaras e diferentes artesanatos são testemunho do patrimônio cultural de Portobelo. A Galeria da Casa Congo é um projeto da Fundação Bahía de Portobelo

Visita ao Forte de São Fernando

Se surpreenda com as verdadeiras histórias de piratas vividas em São Fernando e A Casa Forte e com longos canhões e torres que datam do século XVII, que farão você reviver o passado de Portobelo.
Peça um guia.

Oficina de arte

Solte sua criatividade e confeccione sua própria peça de arte.
Com a orientação de um artista local, elabore com suas próprias mãos um souvenir 100 % portobelenho e guarde para sempre sua própria obra artesanal.

Oficina de percussão

Congo

Apesar da forma como foram tratados, os escravos nunca perderam o sentido da vida e o gosto de a celebrar.

Zaracunde

Uma dança que descreve a histórica fuga dos cimarrones (escravos negros) para a montanha.

Dança de diabos

A batalha entre o bem e o mal, entre o sagrado e o profano, o belo e o horrendo, a vida e a morte…
A antiga dança que simboliza a passagem para a liberdade da cultura afro-antilhana escravizada vai tirar seu fôlego.